News Details

Problemas comuns da coluna - a dor é um pedido de socorro

Posted on 07/19/2012 10:31
Não espere a dor e qualquer sintoma piorar, procure uma ajuda profissional, marque uma consulta com um médico ortopedista e de preferência especialista em coluna Problemas mais comuns associados à co

 

Não espere a dor e qualquer sintoma piorar, procure uma ajuda profissional, marque uma consulta com um médico ortopedista e de preferência especialista em coluna

Problemas mais comuns associados à coluna vertebral

Existem alguns desvios e problemas de coluna que podem levar a dor crônica e muitas vezes o paciente nem sabe que apresenta tais problemas.

Esses são alguns casos:

Caso 1 – Você vai pegar algum objeto que caiu no chão e de repente, ao retornar a posição, sente sua coluna “travar”, algumas pontadas ou até queimação na região lombar podendo irradiar ao longo dos membros inferiores (pernas). Uma dor terrível que te impede de ficar em pé.

Caso 2 – Ao acordar sente uma leve dor muscular na região do pescoço (cervical). Tenta virar a cabeça para um dos lados, sente dificuldade e permanece assim por um longo período.

Caso 3 – A mãe, ao observar o crescimento de seu filho, principalmente no período da puberdade, observa que seu filho não consegue manter uma postura adequada e que sua coluna parece estar um pouco “torta”.

Esses são casos comuns que ocorre com milhares de pessoas. Portanto, apresentarei alguns desvios posturais comuns que também podem levar a crises de dor e doenças (também comuns) da coluna vertebral.

Desvios Posturais

Escoliose – é um desvio lateral da coluna em qualquer das regiões, podendo até levar a um formato em “S”. Quando apresenta um grau exagerado pode comprometer o sistema respiratório e todas as musculaturas associadas.

Hipercifose – é o aumento anormal da Cifose Torácica, sendo causas frequentes a má postura ou déficit de condicionamento físico. Existem algumas doenças reumatológicas que podem causar essa deformidade. Esse desvio pode ocorrer na terceira idade pela modificação natural da musculatura.

Hiperlordose – é o aumento anormal da Lordose Lombar, muito característico em mulheres.

http://www.guarulhosnoticias.com.br/portal/wa_upload/images/coluna.jpg

 

Problemas associados à coluna vertebral

Hérnia de Disco– ocorre quando a massa discal desloca (extrusão da massa) de sua origem para o canal medular através da ruptura da parede fibrosa do disco intervertebral.

Os sintomas são: formigamento com ou sem dor local, podendo irradiar para membros superiores (comprometimento cervical) ou membros inferiores (comprometimento lombar).

Protrusão Discal– não ocorre o rompimento da parede fibrosa, o disco só se desloca de sua origem.

Os sintomas são: dor local ao esforço, formigamento, irradia para membros, mas também pode apresentar déficit de força muscular.

Lombalgia– dor característica da região lombar, por diversos motivos, geralmente apresenta uma contratura muscular local e pode apresentar dificuldade em ficar nas posições sentado e em pé.

Cervical– dor característica da região cervical, geralmente relacionado com movimentos bruscos do pescoço, permanência longa na região sentada, traumas e esforço.

Os sintomas são: dor local, podendo irradiar para membros superiores, dormência, contraturas e principalmente rigidez nos movimentos da cabeça.

Ciatalgia– dor irradiada pelo nervo ciático geralmente por uma compressão do nervo que inicia na região lombar, passa pelas nádegas, coxas até chegando à borda lateral dos pés.

Os sintomas são: queimação, pontadas, formigamento, dormência, fraqueza muscular e até encurtamento muscular da região posterior da coxa.

Estenose –é o estreitamento do canal medular que leva há uma compressão dos nervos.

Os sintomas são: dor irradiada, diminuição da força muscular e sensibilidade, pode apresentar dificuldade na micção e até impotência sexual.

Espondilolistese –é o deslizamento da vértebra sobre a outra nos sentidos anterior, posterior ou lateral.

Os sintomas são: dor local, diminuição de força muscular e coordenação dos membros e até incapacidade para andar.

O que fazer se apresento alguns desses sintomas citados?

Não espere a dor e qualquer sintoma piorar, procure uma ajuda profissional, marque uma consulta com um médico ortopedista e de preferência especialista em coluna.

O médico vai fazer uma avaliação médica e vai verificar a necessidade de solicitar alguns exames como: Raio X, Ressonância Magnética, Tomografia Computadorizada, Eletroneuromiografia, etc. Caso os exames apresentem alguma alteração, o médico deverá explicar ao paciente e indicar o medicamento correto, podendo encaminhar a tratamentos Fisioterapêuticos, Acupuntura, RPG, enfim o que for melhor para o paciente.

Mas se o caso for grave e se com os tratamentos não houver o resultado esperado poderá ser caso cirúrgico, nesses casos é aconselhável ter uma segunda opinião médica.

Lembre-se que a dor é uma resposta de que alguma região de seu corpo está com problemas, é um pedido de socorro, portanto não ignore, medicamentos como analgésicos existem apenas para alívio da dor, mas não para resolver o problema. 

Fonte: http://www.guarulhosnoticias.com.br

Back