News Details

ANS debate revisão do rol de procedimentos com sociedades médicas

Posted on 04/27/2011 16:03
Técnicos da ANS se reuniram na AMB com representantes das sociedades de especialidade para avaliar em conjunto as sugestões de inclusão de novos procedimentos no rol de procedimentos da ANS, que está

Martha Oliveira e Jorge Luis Carvalho, gerente geral de Regulação Assistencial e especialista em regulação da Gerência-Geral Técnico-Assistencial de Produtos da ANS, se reuniram na AMB, com representantes das sociedades de especialidade para avaliar em conjunto as sugestões de inclusão de novos procedimentos no rol de procedimentos da ANS, que está em processo de revisão.

No mês de março, a AMB solicitou que cada sociedade enviasse uma planilha com os procedimentos prioritários que poderiam constar do novo rol, detalhados da seguinte forma: nome do procedimento, descrição, custo, disponibilidade, diretrizes e referências. Das 54 sociedades, 25 enviaram sugestões.

A seguir, a relação foi analisada pelo Colegiado da ANS, que usou, a princípio, dois critérios: se o procedimento já está no rol da ANS, mas com nomenclatura diferente, e se o procedimento consta da CBHPM.

“Por uma questão de fluxo e por representar um ótimo balizador, o fato de o procedimento já constar da CBHPM o torna elegível para ser incorporado no novo rol”, explicou Martha.

A seguir, os representantes da ANS apresentaram os resultados da análise das solicitações: dos 410 procedimentos enviados, 87 foram considerados elegíveis. Destes, 50 puderam ser incorporados à consulta pública. Os outros foram discutidos caso a caso com a especialidade a fim.

“Antes, as sociedades enviavam à AMB as solicitações de alteração no rol e nós encaminhávamos, via consulta pública, para a ANS. Este ano, porém, a ANS fez diferente. A AMB convidou as sociedades para participar antes de finalizar o trabalho de revisão. Este é um passo muito importante”, disse Amilcar Giron, 2º tesoureiro da AMB e representante da entidade dentro da ANS.

“Percebemos que, antes de colocar o rol em consulta pública, podíamos nos aproximar das especialidades médicas e tentar entender quais eram as demandas de cada área”, completou Martha.

Estiveram presentes ao encontro as seguintes especialidades: coloproctologia, hepatologia, cardiologia, pediatria, cardiologia, otorrinolaringologia, patologia, patologia clínica, cirurgia bariátrica, geriatria, genética, anestesiologia, hemoterapia e hematologia, oftalmologia e reumatologia. Aldemir Soares, secretário-geral da AMB, e Florisval Meinão, 1º tesoureiro, também acompanharam os trabalhos.

Back